quinta-feira, 3 de novembro de 2011

3 de Novembro, dia de Santo Huberto


Hoje, dia 3 de Novembro, é o dia de Santo Huberto. Padroeiro dos caçadores, o seu nome foi adoptado também por esta modalidade.
Gostava que ao relembrar o passado, ter boas perspectivas para o futuro, porém (e apesar de ser optimista por natureza), não auguro bons ventos para nós, amantes deste desporto.
É inegável que tempos difíceis se avizinham. As entidades representativas dos caçadores (Federações) estão em situação económica muito difícil. Sendo elas os principais motores da modalidade, vejo com apreensão a organização dos respectivos campeonatos. Cada vez será mais difícil conseguir os apoios necessários, uma vez que quer as entidades privadas, quer as autarquias, também atravessam momentos muito difíceis.
As organizações particulares terão as mesmas dificuldades, uma vez que o valor pago pelas inscrições raramente cobre as despesas. E se aumentarem o valor das inscrições, "afugentam" os concorrentes. Patrocínios, hoje em dia, é coisa rara e sem eles vai ser complicado organizar o que quer que seja.
Os praticantes também não conseguem fugir a este quadro negro. Entre o treino e a manutenção dos cães, às viagens, estadias, portagens (é impossível ignorá-las) e inscrições, haverá quem tenha de colocar de lado a aficcion.
2012 será um ano complicado para todos. Hoje, que é dia de Santo Huberto, faço um apelo à conjugação de esforços. Só assim se conseguirá levar para a frente esta nossa paixão. Organizações, concorrentes e patrocinadores, apenas juntos e com algum sacrifício de todos, conseguiremos não deixar morrer esta actividade que tantos pergaminhos tem e tantos títulos já trouxe para Portugal.
E... se o Santo puder dar uma ajuda, agradecemos. Um milagre, precisa-se!