domingo, 6 de maio de 2018

VII Troféu Dr. Arménio Lança - Resultados

Teve ontem lugar em Santarém, integrado no programa da 30ª Expocaça, a sétima edição do troféu Dr. Arménio Lança. Este troféu, também denominado Taça Arménio Lança, é uma prova organizada anualmente pela Confederação Nacional dos Caçadores Portugueses e visa homenagear a título póstumo um dos seus presidentes e grande impulsionador das provas de Santo Huberto em Portugal.

Os 48 concorrentes, representando todas as regiões do país, desde o Minho ao Algarve, foram divididos por 4 campos. 
O facto de os terrenos estarem limitados por diversas condicionantes, às quais também não foram indiferentes até as atípicas condições de clima que se verificaram este ano, originou que apenas tivessem sido feitas 4 séries, com 12 concorrentes cada. Não seria o ideal, claro, uma vez que o calor não deu tréguas e a temperatura que se fez sentir, conjugada com as muitas flores, dificultaram bastante certas prestações dos canitos. Os campos eram maioritariamente na lezíria.

Foram juízes da prova: Manuel Brás, Joaquim Rosa, José Gonçalves, Vitor Serrano, Paulo Filipe, Mafalda Leitão e André Chaves (tirocinante).

Passaram à barrage o primeiro de cada série, tendo a classificação final ficado assim ordenada:



1º Jorge Piçarra, EB
2º Paulo Fernandes, PP
3º Alexandre Magalhães, BA
4º Paulo Correia, BA



(Recebeu o prémio João Gil, em representação do vencedor)


O almoço e a entrega de prémios decorreram no restaurante da feira, onde foi feita uma sentida homenagem por parte do presidente da CNCP, Engº Castanheira Pinto e da D. Custódia, viúva do homenageado. Seguiu-se um minuto de silêncio.





O co-organizador da prova, Clube de Caçadores do Vale de Santarém, e exemplo do ano passado em que foi homenageada a Mafalda, homenageou este ano o juiz Manuel Brás pelo seu contributo ao longo dos anos em prol da modalidade e dos cães de parar.